Angola-África
Seja Bem-Vindo ao meio de amigos Angolanos e que por aqui queremos recordar e reviver como os membros e amigos.
tudo o que ja viveram, se regsitre e fique a vontade.

Somente membros podem visualizar alguns assuntos, portanto, não perca tempo e cadastre-se.

Kiss a todos.

Angola-África


 
InícioPortalCalendárioFAQRegistrar-seConectar-se
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
twitter Passarinho
Tópicos similares
Últimos assuntos
» Procura-se Angolanos - Ex-colegas - Amigos Infancia - Todos
Qua Jan 04, 2017 3:00 am por Mary1960

» músicas do meu tempo.
Seg Maio 16, 2016 5:29 am por Alexandre Santos

» Namibe Noticias ao vivo
Qui Jun 11, 2015 2:06 am por Alexandre Santos

» Informativos Gerais
Qui Jun 11, 2015 1:59 am por Alexandre Santos

» Malanje Noticias Frescas
Ter Abr 07, 2015 10:16 pm por mariajoaomarques

» Luanda Noticias Frescas
Ter Abr 07, 2015 10:13 pm por mariajoaomarques

» Lubango Noticias Frescas
Ter Abr 07, 2015 10:08 pm por mariajoaomarques

» Huambo Noticias Frescas
Ter Abr 07, 2015 10:06 pm por mariajoaomarques

» Cunene Notícias
Ter Abr 07, 2015 10:02 pm por mariajoaomarques

» Cabinda Noticia da Hora
Ter Abr 07, 2015 9:56 pm por mariajoaomarques

» Benguela Noticias da Hora
Ter Abr 07, 2015 9:46 pm por mariajoaomarques

» noticias Angola em Geral
Ter Abr 07, 2015 9:34 pm por mariajoaomarques

» A verdadeira Páscoa.
Dom Abr 05, 2015 3:32 am por Alexandre Santos

» NATAL !!
Qua Dez 24, 2014 5:14 pm por mariajoaomarques

» Musicas só Angolanas
Dom Out 05, 2014 3:18 pm por Carla Carinhas

» PROCURO FAMILIA MATERNA
Sex Out 03, 2014 9:31 pm por Carla Carinhas

» FALANDO COM DEUS.
Sab Jun 07, 2014 10:07 pm por mariajoaomarques

» Compre passaportes , carteira de motorista
Ter Maio 06, 2014 3:15 pm por Fabioluiz11

» Compre passaportes , carteira de motorista
Ter Maio 06, 2014 3:14 pm por Fabioluiz11

» Compre passaportes , carteira de motorista
Ter Maio 06, 2014 3:09 pm por Fabioluiz11

» Compre passaportes , carteira de motorista
Ter Maio 06, 2014 3:09 pm por Fabioluiz11

» Eventos Culturais e Cultura
Qui Mar 27, 2014 6:44 pm por Alexandre Santos

» Poemas Antonio Ausgusto Aguiar
Sab Dez 28, 2013 5:40 am por Alexandre Santos

» Respostas de Natal
Qui Dez 19, 2013 4:54 pm por Carla Carinhas

» Moda Africana no Brasil
Sab Ago 03, 2013 1:15 am por Lucas Ryman

» Designer Decoração Africana
Sab Jul 27, 2013 5:13 am por Maristela Ibaldo

» compra de tecidos
Sex Jul 19, 2013 2:30 am por Alexandre Santos

» Qua maior valor do mundo e Qual o seu Valor??
Seg Maio 27, 2013 10:23 pm por Alexandre Santos

» VERSOS SOLTOS
Seg Maio 27, 2013 10:13 pm por Alexandre Santos

» fotos impressionantes de 2008
Sex Maio 17, 2013 3:56 pm por mariajoaomarques

Horas e Previsão do Tempo

Aqui o Sapo
Baixar Imagens
Radio Direto Angola
Nova pagina 2

Parcerias e Apoio
Nova pagina 1


Loja Virtual Presentes

UOL HOST hospedagem de sites. Clique e conheça!

Tenha estes produtos em sua mesa.


Rádio Connect Music Box Rádio do Fórum

Campanhas

Compartilhe | 
 

 Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
CastelaSimões
Membros Ativos
Membros Ativos


Data de inscrição : 17/05/2008
Número de Mensagens : 818

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Ter Jun 22, 2010 12:06 am

Capela da Senhora da Guia
(Moimenta da Beira)


Edificada no século XIX. Situa-se num monte rochoso, designado por “Castelo”, local onde em tempos passados existiu um dos castelo de Caria.
Capela miradouro donde se pode contemplar uma bonita paisagem.



(vasculhado na net)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos


Data de inscrição : 11/05/2008
Número de Mensagens : 4487

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Sex Jul 02, 2010 11:24 pm

Alfândega da Fé

Brasão da Vila




Alfândega da Fé é uma vila portuguesa pertencente ao Distrito de Bragança, Região Norte e subregião do Alto Trás-os-Montes, com cerca de 2 000 habitantes.

É sede de um município com 321,96 km² de área e 5 524 habitantes (2006), subdividido em 20 freguesias. O município é limitado a norte pelo município de Macedo de Cavaleiros, a leste por Mogadouro, a sul por Torre de Moncorvo e a oeste por Vila Flor.



(retirado da net)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Sex Jul 02, 2010 11:31 pm

Vista panorâmica de Alfândega da Fé


_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
CastelaSimões
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Porto
Data de inscrição : 17/05/2008
Masculino
Número de Mensagens : 818
Idade : 70
Humor : q.b.

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Jul 12, 2010 11:37 pm


Vista geral da Vila de Alfândega da Fé

Alfândega (da Fé) é um nome de origem árabe que a localidade deve ter adquirido entre os séculos VIII-IX.
É muito possível que já anteriormente ela existisse e a sua verdadeira origem tenha sido um povoamento castrejo, o que não será de admirar, até porque na área do concelho existem vestígios de povoamento romano e até anteriores.
A designação “da Fé” que se juntou ao nome original surge em data incerta, (mas já aparece no Foral de D. Dinis) seguramente por via popular e ligada à interessante lenda dos “Cavaleiros das Esporas Douradas”, que reflecte a bravura dos cristãos na luta contra o infiel, apoiados, na batalha decisiva de Chacim, por Nossa Senhora de Balsemão.


De qualquer forma, existe hoje a convicção de que durante o período da ocupação árabe foi sede administrativa com alguma importância de uma região designada “Valiato de Alfandica”, mas a sua história, em termos da nossa Nacionalidade, só é verdadeiramente reforçada em 1294, (8 de Maio) ano em que D. Dinis lhe concede carta de foral que, entre outros aspectos, define os primeiros limites geográficos do concelho. Um ano depois (17 de Setembro) o mesmo monarca concede-lhe carta de feira, do mesmo tipo da Covilhã, mas com a particularidade de obrigar que a referida feira se realizasse depois da de Mogadouro e antes da de Mirandela; a carta de feira foi novamente passada por D. João I, a 13 de Janeiro de 1401.


Em 1385 D. João I obrigou os moradores de Alfândega da Fé a trabalhar na reconstrução dos muros de Torre de Moncorvo, talvez como “castigo” pelo facto de a vila ter tomado partido por Castela. Este seria também o primeiro monarca a passar por Alfândega da Fé, na viagem que no ano de 1396 o levou a Torre de Moncorvo e Bragança.


(tirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Jul 19, 2010 11:44 pm

FREGUESIA DE CEREJAIS - ALFÂNDEGA DA FÉ

Brasão da freguesia



A freguesia de Cerejais distancia-se da sua sede concelhia (Alfândega da Fé) 8 quilómetros.

Situa-se num planalto por onde passa o Rio Sabor.

O nome de Cerejais já vem de há muito tempo. A ele se faz referência desde o século IX, pelo menos.

Pensa-se que, a origem do seu nome, virá de tempos remotos, dos termos “Ceresales”, “Cersares” e “Cersales”, zona desde sempre rica em cerejais ou cerdeiros.

Cerejais pertençeu a outras circunscrições, antes de pertencer ao concelho de Alfândega da Fé. Fez parte da casa dos Marqueses de Távora, até que em 1750, à data da sua extinção, os seus bens, foram confiscados e passaram a pertencer ao Estado.

Esta é uma região de terras férteis, o que faz com que a agricultura seja ainda uma das principais actividades da sua gente.

Cerejais, cerejeiras em flor



Curiosidade:

Situado em Cerejais, está um dos mais recentes Santuários Marianos, sendo considerado um "altar lateral" da Cova da Iria. Permite que os devotos sem possibilidades de se deslocarem a Fátima prestem a sua homenagem a Nossa Senhora do Rosário. Já em 1990, foi erguido no local da Toca do Cabeço, a Gruta dos Pastorinhos, onde se evoca a Encarnação do Verbo com a Aparição dos Anjos aos Pastores de Belém.

Santuário do Imaculado Coração de Maria, em Cerejais



(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Jul 26, 2010 11:47 pm

Rio de Onor



Rio de Onor é uma freguesia raiana portuguesa do concelho de Bragança, com 45,37 km² de área.

Rio de Onor subsiste ainda como aldeia comunitária. Este regime pressupõe uma partilha e entreajuda de todos os habitantes, nomeadamente nas seguintes formas:
Partilha dos fornos comunitários;
Partilha de terrenos agrícolas comunitários, onde todos devem trabalhar;
Partilha de um rebanho, pastoreado nos terrenos comunitários.

A aldeia é atravessada a meio pela fronteira internacional entre Portugal e Espanha, sendo para efeitos oficiais a parte espanhola distinguida como Rihonor de Castilla, e sendo ambas as partes conhecidas pelos seus habitantes como "povo de acima" e "povo de abaixo", não se distinguindo assim de facto como dois povoados diferentes, como erradamente se assume em diversas literaturas.
Na verdade, este povoado singular assume, para além de um regime de governo próprio, um dialecto próprio e quase extinto, derivado do Asturo-Leonês, à semelhança da Língua Mirandesa.
Tipicamente trasmontana, a aldeia apresenta casas tradicionais compostas por dois andares: no andar de cima moram as famílias, no andar de baixo ficam o gado, os cereais e outros produtos da terra.

Casas tradicionais



(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
CastelaSimões
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Porto
Data de inscrição : 17/05/2008
Masculino
Número de Mensagens : 818
Idade : 70
Humor : q.b.

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Ter Jul 27, 2010 12:10 am

RIO de ONOR - O verdadeiro regresso ao passado
Esta povoação fronteiriça perto da cidade de Bragança, em tempos aldeia comunitária, mantem certos traços originais de aldeia remota transmontana. Não vai assim há muito tempo que os portugueses tinham terras em Espanha e os espanhóis terras em Portugal. A moeda quase que não era utilizada, limitavam-se a fazer trocas de géneros alimentícios. As mulheres lavam a roupa num lavadouro comunitário, hoje recuperado. Por baixo das casas ficavam as cortes dos animais que aqueciam as casas no rigor do inverno. Ainda hoje guardam lenha junto às casas para se aquecerem e até por vezes cozinharem. Devido à grande afluência de turistas, os aldeões sentem-se por vezes constragidos pelas máquinas fotográficas.
A beleza da zona é ímpar, com o rio Onor a passar pela aldeia e uma calmia para quem quer descansar do stress citadino.

(Texto extraído do Blog ALMA ABERTA de Francisco Arantes "Quito Arantes"
nascido em Luanda, mas a viver em Barcelos desde pequeno)

_________________


Última edição por CastelaSimões em Ter Ago 03, 2010 12:23 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
afmarques
Novato
Novato
avatar

Pais Residente :
Localização : Santarém
Data de inscrição : 24/01/2010
Feminino
Número de Mensagens : 67
Idade : 39

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Sex Jul 30, 2010 2:55 am




Beijocas


afmarques
Sol brinhante
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Ter Ago 03, 2010 11:47 pm

Torre de Moncorvo

Brasão da Vila



Torre de Moncorvo (muitas vezes chamado simplesmente de Moncorvo), é uma vila portuguesa, pertencente ao Distrito de Bragança, Região Norte e subregião do Douro, com cerca de 3 000 habitantes.

É sede de um município com 532,77 km² de área e 9 919 habitantes (2001), subdividido em 17 freguesias. O município é limitado a norte pelos municípios de Vila Flor, Alfândega da Fé e Mogadouro, a sueste por Freixo de Espada à Cinta, a sudoeste por Vila Nova de Foz Côa e a oeste por Carrazeda de Ansiães.

O concelho recebeu foral de D. Sancho II em 1225.

A Praça com a Igreja Matriz



(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Ter Ago 03, 2010 11:55 pm

Moncorvo - Portugal



_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
CastelaSimões
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Porto
Data de inscrição : 17/05/2008
Masculino
Número de Mensagens : 818
Idade : 70
Humor : q.b.

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Qua Ago 04, 2010 8:57 pm

A LENDA de TORRE DE MONCORVO


Torre de Moncorvo teria nascido de uma remota Vila
da Alta Idade Média, que em antigos documentos vem designada Vila Velha
de Santa Cruz da Vilariça
, situada no topo da margem direita do Rio
Sabor e nas proximidades do núcleo de vida pré-histórica do Baldoeiro.


Segundo a lenda, viveu naquela região, há muito tempo atrás, alguns séculos, um
homem chamado Mendo ou Mem. Dizem uns que era um nobre senhor, mas a
nossa lenda faz dele um pobre lavrador que habitava uma choupana com
sua mulher, não muito longe do monte Reboredo.

Aconteceu certo dia que Mendo achou um tesouro enterrado sob um penedo do monte.
Vendo-se, de repente, tão rico - o tesouro era fabuloso -, o homem
sentiu fugir-lhe o juízo. Em breve, porém, recuperou o sangue frio e,
reconhecendo ser melhor manter em segredo aquele achado, para que lho
não cobiçassem tratou de pensar no que lhe fazer, onde o guardar.

Tão grande era a sua alegria que não cabia em si e no fundo, desejava
partilhar o seu segredo com alguém que consigo se regozijasse. E, como
a pessoa que mais perto de si estava por muitas razões óbvias, era a
mulher, sentiu uma imensa vontade de lhe contar a felicidade que
acabara de ter. Contudo, Mendo era desconfiado, e como conhecia a
mulher de ginjeira achou que ela não seria capaz de guardar segredo por
muito tempo.

Assim, decidiu arranjar uma mentira para a pôr à prova.
Depois de muito pensar, encontrou o que dizer e foi ter com ela.
- Anda cá, mulher, senta-te aqui comigo nesta pedra! Quero contar-te uma coisa,
mas tens de prometer guardar segredo...
- Então o que é? Conta, homem, conta!!
- Juras que não contas nada disto a ninguém?
- Juro pois! ... por estes dois que a terra há-de comer! ... - disse ela apontando para os olhos.
- Então lá vai: calcula que vi hoje um corvo parir um par de corvinhos!...
- Ora homem, isso é lá possível!?
- ...eu seja ceguinho!

A mulher ficou-se um pouco incrédula, sentada na pedra, enquanto ele se
afastava para ir à sua vida, contente com a história que arranjara.
Agora era só esperar algum tempo, ter um pouco de paciência e... ver o
resultado. Durante algum tempo, a mulher quedou-se pasmada com a
história que Mendo lhe contara: «era lá possível um corvo parir, parir
como gente!? ... Não, não é verdade! Aquilo foi o homem a mangar
comigo!...».

Sem poder conter-se mais, e como
segredo é aquilo que se conta a uma pessoa de cada vez, foi dali à
vizinha mais próxima relatar o que dissera o marido. Desta vez o corvo
já não tinha parido dois corvinhos, mas quatro e, é claro, tudo isto
era um segredo.

Acabada a conversa, despediram-se as vizinhas e foi dali cada uma contar
a outra pessoa. De tal modo se espalhou o segredo que em breve toda
a gente da região conhecia a história do corvo parindo em variadissimas versões.

Em vista disto, Mendo, o lavrador, decidiu ocultar de todos o seu segredo,
o seu tesouro, e para isso construiu uma grande torre onde passou a
morar para melhor defender o seu ouro.

Do nome do lavrador e da história do corvo, ficaram a chamar ao edifício
Torre do Mendo (ou Mem) do Corvo. Com o tempo, esquecida a história, o povo
foi simplificando o nome até chamar ao local TORRE DE MONCORVO.

(com a gentileza do site do Município de Torre de Moncorvo)



_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Ago 09, 2010 6:46 pm

Vimioso

Brasão da Vila




Vimioso (em mirandês Bimioso ou Bumioso) é uma vila portuguesa com cerca de 1 200 habitantes, situada no extremo nordeste de Portugal. Pertence ao distrito de Bragança, na região Norte de Portugal e subregião do Alto Trás-os-Montes.

É sede de um concelho ou município com 481,47 km² de área e 5 105 habitantes (2004), limitado a norte pela Espanha (município de Alcanizes), a leste pelo concelho de Miranda do Douro, a sul por Mogadouro, a oeste por Macedo de Cavaleiros e a noroeste por Bragança.


Excepto as freguesias de Vimioso e Argozelo que concentram os serviços (administração, bancos, comércios, …), o concelho de Vimioso é um município rural cuja população exerce actividades essencialmente agrícolas. A emigração e o êxodo rural para Bragança e para as metrópoles do litoral (Porto, Lisboa), explicam a desertificação dramática da região. A população do concelho é hoje principalmente constituída de idosos.

A Igreja Matriz



(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Ago 09, 2010 6:47 pm

Vimioso - Centro Histórico




_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Ago 16, 2010 7:19 pm



(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
nascimento
Novato
Novato
avatar

Pais Residente :
Localização : Angola, Luanda
Data de inscrição : 21/01/2009
Masculino
Número de Mensagens : 59
Idade : 42
Humor : sempre alerta

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Dom Ago 29, 2010 7:34 pm

Maria Ernestina Carvalho escreveu:
Mais duas imagens de Miranda do Douro

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

(retirado da net)
Olá pessoal
Pois é vagueando por aki encontrei logo na primeira pagina e não me pude conter.
Desculpa Tina!!! Mas foi nessa Sé Catedral que casei e batisei os meus pequenotes.
Na segunda foto,é muito perto onde vive a amiga Maria João (Ganda).
Muito obrigado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Ago 30, 2010 10:22 pm

Murça

Brasão da Vila




Murça é uma vila portuguesa no Distrito de Vila Real, Região Norte e sub-região do Douro, com cerca de 2 200 habitantes.

É sede de um município com 189,36 km² de área e subdividido em 9 freguesias.
O município é limitado a norte por Valpaços, a leste por Mirandela, a sueste por Carrazeda de Ansiães, a sudoeste por Alijó e a noroeste por Vila Pouca de Aguiar. O seu topónimo deriva provávelmente do guerreiro e governador do Al-Andalus,ibn Musa,que viveu no séc.VIII.

A Porca de Murça, monumento celebre da Vila é o seu ex-libris;escultura celta que representa uma das divindades deste povo,o javali.

Igreja Matriz



O Pelourinho



(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Seg Ago 30, 2010 10:28 pm

A lenda da “Porca de Murça”

A lenda da “Porca de Murça”, tal como todas as outras é fruto do imaginário popular. Esse conhecimento é geralmente perpetuado pela memória colectiva de gerações. O sentido da existência desta lenda prende-se com a explicação do significado, na Praça 31 de Janeiro ou 25 de Abril, em Murça, de uma porca.

“Segundo a lenda, era no século VIII esta povoação e seu termo assolados por grande quantidade de ursos e javalis. Os senhores da Vila, secundados pelo povo, fizeram tantas montarias, que extinguiram tão danina fera ou a escorraçaram para muito longe. Entre esta multidão de quadrúpedes, havia uma porca (ursa) que se tinha tornado o terror dos povos, pela sua monstruosa corpulência, pela sua ferocidade, e por ser tão matreira, que nunca poderia ter sido morta por caçadores. Em 775, o Senhor de Murça, cavaleiro de grandes forças e de não menor coragem, decidiu matar a porca, e tais manhas empregou que conseguiu, libertando a terra de tão incómodo hóspede. Em memória desta façanha, se construiu tal monumento alcunhado a “Porca de Murça”, e os habitantes da terra se comprometeram, por si e seus sucessores, a darem ao senhor, em reconhecimento de tal benefício, para ele e seus herdeiros, até ao fim do mundo, três arráteis de cera anualmente, por cada fogo, sendo pago este fôro mesmo junto à porca.”

A porca de Murça



(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Santos
Membros Ativos
Membros Ativos


Pais Residente :
Localização : Brasil
Data de inscrição : 13/03/2008
Masculino
Número de Mensagens : 4316
Idade : 59
Humor : up

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Qui Set 02, 2010 10:59 pm

Tina:

Gosto muito de história, monumentos etc. etc. e, das lendas igual.
Valeu amiga, muito obrigado.

** Onde estiveres , estarei também, para te fazer companhia e aprender um bocado contigo.

Bjs,

Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Sex Set 03, 2010 10:09 pm

Oi Alexandre

Então cá fica um videozinho diferente dos habituais...
Este é só para apreciar... rsrsrs


Kartcross Murca 21.03.2010


_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Santos
Membros Ativos
Membros Ativos


Pais Residente :
Localização : Brasil
Data de inscrição : 13/03/2008
Masculino
Número de Mensagens : 4316
Idade : 59
Humor : up

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Dom Set 05, 2010 6:27 am

Tina::

Que corrida emocionante !!!!

Valeu,

Bjs

Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Ter Set 14, 2010 4:40 pm

Valpaços

Brasão da cidade

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Valpaços é uma cidade portuguesa no Distrito de Vila Real, Região Norte e sub-região do Alto Trás-os-Montes, com cerca de 4 500 habitantes (Valpacenses).
É sede de um município com 553,06 km² de área e 19 512 habitantes (2001), subdividido em 31 freguesias. O município é limitado a noroeste por Chaves, a leste por Vinhais e Mirandela, a sul por Murça e a oeste por Vila Pouca de Aguiar.
Foi criado em 1836 por desmembramento de Chaves.

Uma vista geral da cidade

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Ter Set 14, 2010 4:44 pm

CIDADE DE VALPAÇOS




_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Santos
Membros Ativos
Membros Ativos


Pais Residente :
Localização : Brasil
Data de inscrição : 13/03/2008
Masculino
Número de Mensagens : 4316
Idade : 59
Humor : up

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Qui Set 16, 2010 3:32 pm

Tina:

Gostei de tudo, para variar rssssss .
Uma ocasião eu morava em Niterói e fui a Portugal. Um amigo meu brasileiro, filho de portugueses me pediu para levar uma encomenda (10 kg de café, daquelas caixas que têm à venda dentro do aeroporto rssssss) para eu entregar a um tio dele , junto com um envelope onde iam uns travel cheques; a localidade onde vivia o tio dele era "Valpaços em Trás-Os-Montes" rsssss . E lá fui eu, de Lisboa até Valpaços ihihihih . Estou me rindo, porque quando o meu amigo me entregou a encomenda e falou que era para entregar em Valpaços eu, que nunca tinha ido e nem tinha ouvido falar de Valpaços, entendi, que seria no "Terreiro Do Paço " em Lisboa ahahahahaha . Quando cheguei a Lisboa, disse ao meu tio que teria que entregar as coisas no Terreiro Do Paço e se ele me dava uma carona (boleia) até lá . O meu Tio, depois de ver o endereço da encomenda, muito sério, disse-me que não teria problema nenhum me levar ao Terreiro Do Paço, mas o local indicado para me levar seria o "Casal Ribeiro" - a estação das camionetes (autocarros/ônibus) , para que eu fosse para Trás-Os-Montes rssssssss . Resultado, dois ou três dias depois lá fui eu de autocarro para Valpaços ihihihih, onde me receberam da melhor maneira e eu que já tinha deixado a minha pequena bagagem em uma residêncial para ficar ali um dia, tive que lá ir buscar junto com os Tios do meu amigo e fiquei uns 4 dias em casa deles, porque não me deixaram ir embora antes. Eles depois fizeram questão de levar-me a Lisboa . Foi assim que conheci essa cidade linda.

Bjs
Voltar ao Topo Ir em baixo
CastelaSimões
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Porto
Data de inscrição : 17/05/2008
Masculino
Número de Mensagens : 818
Idade : 70
Humor : q.b.

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Qui Set 16, 2010 6:23 pm





PORCA de MURÇA "Reserva" 2006
(da Real Companhia Velha)


Olá Gente BOA,

Desculpem, mas por motivos de fôro pessoal, só hoje me foi possivel
passar por aqui (e de fugida)....
Vi que já postaram sobre a Vila de MURÇA, e vão desculpar-me, mas falar
de Murça sem falar daquele "precioso néctar" a que essa Vila dá o nome,
"não estava com nada"... eheh
Assim aqui fica para os amantes do dito "néctar".

Abraços

Ps: se a Administradora puder colocar no lugar certo, a Gerência" agradece...
eheh

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Qui Set 16, 2010 6:53 pm

Oi CastelaSimões

Bem aparecido!... eheh

Olha Amigo, eu penso que a postagem não poderá ser movida. Mas a Carla dirá...
Também fica bem aqui. Não está muito afastada...

Tudo de BOM!

Bjs.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maria Ernestina Carvalho
Membros Ativos
Membros Ativos
avatar

Pais Residente :
Localização : Portugal
Data de inscrição : 11/05/2008
Feminino
Número de Mensagens : 4487
Idade : 67

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Qui Set 16, 2010 7:08 pm

Oi Alexandre

Esse engano acabou por te valer um belo passeio... rsrsrs


MUNICÍPIO DE VALPAÇOS




Os primeiros documentos escritos que citam Valpaços, datam do séc. XII.
O próprio topónimo tem uma raiz claramente pré-nacional. A freguesia terá começado por ser um pequeno reduto habitado por nobres e famílias senhoriais, atraídas por um conjunto de privilégios tendentes a povoar uma região tão próxima de Espanha.

O acontecimento mais importante da história de Valpaços deu-se seguramente em meados do séc. XIX. Em 16 de Novembro de 1846, durante a Guerra da Patuleia, aqui se defrontaram as tropas rivais. O movimento que começara de forma espontânea e por ter características eminentemente populares, adquiriu proporções políticas. Cerca de duas dezenas de mortos marcaram a passagem por Valpaços de uma batalha que depois prosseguiu por terras de Murça.
Segundo a lenda, participou na refrega o famoso Zé do Telhado, que inclusivamente teria salvo a vida ao visconde de Sá da Bandeira, ele que até fora lanceiro da rainha antes de se tornar salteador!



O património edificado desta freguesia justifica bem a sua importância actual e os pergaminhos do passado. Acima de tudo, a Igreja Paroquial. Da arquitectura civil, uma referência para os Paços do concelho e ainda para os solares da vila, dos quais o mais antigo é o dos Morgados.
Valpaços foi elevada a Vila em 1861, através de decreto real de 27 de Março, assinado por D. Pedro V, tendo ascendido a cidade no dia 13 de Maio de 1999.

(retirado da net)

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Santos
Membros Ativos
Membros Ativos


Pais Residente :
Localização : Brasil
Data de inscrição : 13/03/2008
Masculino
Número de Mensagens : 4316
Idade : 59
Humor : up

MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   Qui Set 16, 2010 8:00 pm

Tina:

Tem coisas que nôs não conseguimos ver e saber , quando apenas visitamos um lugar. Aqui com a tua postagem estou a conhecer bem melhor a história de Valpaços.
Então, os conhecidos "Zé dos telhados" em Angola, já tinham um mentor que foi famoso em 1.846 rssss .

Bjs,

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Região Norte: Trás-os-Montes, Minho e Douro
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 5 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Aeronorte - Empr. De Transp. Aéreos Norte do Brasil
» Almoço de Natal MTP 10 Dezembro
» Caça a multa

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Angola-África :: LUSOFONIA :: Lusofonia - Portugal :: Região Norte-
Ir para: